Conheça o sistema de gestão mais completo para seu negócio

Saiba o que é o Cooperativismo e como ele funciona

Flávia Scalon - 16/10/2018 - 0 Comentário(s)

Você sabe o que é o Cooperativismo? Saiba que este conceito pode ser uma oportunidade para empreender.

O Cooperativismo é um movimento social e econômico que se baseia na cooperação de associados em atividades econômicas.

Para entender mais sobre o que é o Cooperativismo e como ele funciona, continue acompanhando este artigo.

O que é Cooperativismo?

Como dito no início, Cooperativismo é um movimento social e econômico baseado na cooperação de associados em atividades econômicas.

Ele é uma alternativa colaborativa do mercado e propõe benefícios a todos os envolvidos.

Ou seja, o Cooperativismo visa muito mais as necessidades em grupo que o lucro, buscando uma prosperidade conjunta.

Segundo o Sistema OCB, ‘Mais que um modelo de negócios, o cooperativismo é uma filosofia de vida que busca transformar o mundo em um lugar mais justo, feliz, equilibrado e com melhores oportunidades para todos.’

O que é Cooperativa?

Cooperativa é uma organização constituída por trabalhadores de determinados grupos, seja econômico ou social que desempenham uma determinada atividade.

Segundo a Lei 5.764, de 1971:

‘Celebram contrato de sociedade cooperativa as pessoas que reciprocamente se obrigam a contribuir com bens ou serviços para o exercício de uma atividade econômica, de proveito comum, sem objetivo de lucro.’

Portanto, Cooperativas são empreendimentos econômicos que visam satisfazer as necessidades econômicas de seus cooperados.

Materiais Gratuitos Soften Sistemas

Características da Sociedade Cooperativa

Segundo o Art. 1.094 do Código Civil, são características da sociedade cooperativa:

I – variabilidade, ou dispensa do capital social;

II – concurso de sócios em número mínimo necessário a compor a administração da sociedade, sem limitação de número máximo;

III – limitação do valor da soma de quotas do capital social que cada sócio poderá tomar;

IV – intransferibilidade das quotas do capital a terceiros estranhos à sociedade, ainda que por herança;

V – quorum, para a assembléia geral funcionar e deliberar, fundado no número de sócios presentes à reunião, e não no capital social representado;

VI – direito de cada sócio a um só voto nas deliberações, tenha ou não capital a sociedade, e qualquer que seja o valor de sua participação;

VII – distribuição dos resultados, proporcionalmente ao valor das operações efetuadas pelo sócio com a sociedade, podendo ser atribuído juro fixo ao capital realizado;

VIII – indivisibilidade do fundo de reserva entre os sócios, ainda que em caso de dissolução da sociedade.

Cooperativa: Ramos de atuação

Segundo a Organização das Cooperativas Brasileira (OCB), há 13 ramos de atuação do Cooperativismo, confira:

  • Cooperativas Agropecuárias;
  • Cooperativas de Consumo;
  • Cooperativas de Crédito;
  • Cooperativas Educacionais;
  • Cooperativas Especiais (para portadores de necessidades especiais);
  • Cooperativas de Infraestrutura;
  • Cooperativas Habitacionais;
  • Cooperativas de Produção;
  • Cooperativas de Mineral;
  • Cooperativas de Trabalho;
  • Cooperativas de Saúde;
  • Cooperativas de Turismo e lazer;
  • Cooperativas de Transporte.

Os ramos foram divididos em 13 categorias para facilitar na organização e representação do cooperativismo.

Assim, é mais fácil trabalhar o impacto positivo da cooperação e levar ao crescimento de todos os ramos envolvidos.

Além dessas categorias, são existentes alguns princípios do cooperativismo, continue acompanhando o artigo e saiba quais são.

Princípios do Cooperativismo

O Cooperativismo tem 7 princípios vigentes, são eles:

  • Adesão livre e voluntária;
  • Autonomia e independência;
  • Participação econômica;
  • Educação, formação e informação;
  • Gestão democrática;
  • Intercooperação;
  • Compromisso com a comunidade.

Como o cooperativismo pode beneficiar uma empresa?

Com o Cooperativismo é possível fazer com que a empresa cresça e se torne um empreendimento de sucesso.

Unir conhecimento com outros empreendedores, além de trazer força ao negócio, o beneficia de diversas formas, como:

– Democracia na gestão e controle da empresa;
– Maior capacidade em negociações e poder de compra;
– Maior competência;
– Compartilhamento e divisão de atividades, recursos e custos entre os envolvidos na cooperativa.
– Melhoria na qualidade na entrega de produtos e serviços.

Automatize sua empresa com um software de qualidade

Uma empresa automatizada tem muito mais chances de crescimento, por conta da qualidade do serviço entregue ao cliente.

Pois, com um sistema qualificado, é possível controlar toda a gestão de um negócio, como, as finanças, vendas, produtos que entram e saem da empresa, etc.

Os aplicativos da Soften Sistemas oferecem estas funcionalidades e muitas outras, como a emissão de documentos fiscais.

Além disso, disponibiliza treinamento especializado e suporte técnico ilimitado a qualquer cliente.

Entre em contato agora mesmo com os atendentes comerciais e saiba mais sobre os produtos e serviços oferecidos pela empresa.

Conheça Soften Sistemas

Gostou desse artigo? Compartilhe-o com amigos e parceiros e continue acompanhando as atualizações do Blog.

Acompanhe também as Redes Sociais da Soften: FacebookInstagramTwitterLinkedin e Youtube.

E em caso de dúvidas ou sugestões, comente abaixo!

Flávia Scalon
Flávia Scalon

É formada em publicidade e propaganda, pós graduada em gestão de comunicação integrada e uma das principais autoras do blog. Especialista em assuntos fiscais. Nas horas vagas, gosta de ler sobre romance, comédia, drama, entre outros assuntos, também curte vários estilos musicais e aprecia múltiplas culinárias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de Gestão Empresarial com Emissor NFe

           Experimentar grátis
Receba Grátis Materiais e Ebooks. Saiba como!