lupa
Mouse

Entenda o que é um plano de carreira e como montar um

Malu Brito - 17/06/2021 - 0 Comentário(s)

Um plano de carreira ajuda a listar objetivos em termos profissionais, ou seja, no que se refere à profissão que você pretende seguir. Além disso, contribui para a definição de ações que você deve realizar para alcançar suas metas. 

Quer você esteja no início de sua carreira com apenas uma vaga ideia do que quer fazer, ou saiba exatamente o que quer, mas não tenha certeza de como chegar lá, ter um plano de carreira é a chave para subir os próximos degraus.

Saiba que todo mundo precisa começar de algum lugar. Até mesmo os empresários mais bem sucedidos da atualidade iniciaram suas carreiras ocupando cargos de menor relevância, até conseguirem alcançar o sucesso.

Etapas para montar um plano de carreira

O planejamento ativo de sua carreira permite que você assuma o controle da sua vida profissional. Além disso, esse planejamento o ajudará a se aproximar do emprego dos seus sonhos ou de outra meta que pretenda conquistar. 

Então a seguir, algumas etapas que você deve seguir para montar seu plano de carreira.

– Identifique seus interesses e necessidades;

– Crie um plano para alcançar seus objetivos;

– Estabeleça o tempo necessário para alcançar o que deseja profissionalmente;

– Destaque suas principais habilidades e competências;

– Execute as etapas listadas;

– Tenha um olhar crítico em relação ao seu plano de carreira;

– Pense nas estratégias que você precisará implementar para superar os obstáculos que surgirem;

– Tente adaptar-se ao mercado de trabalho;

– Acompanhe os resultados que tem obtido.

Autoavaliação

Para começar a criar seu plano de carreira, o ideal é fazer uma autoavaliação caso você ainda não tenha decidido a profissão que deseja seguir. As questões abaixo irão ajudá-lo a chegar a uma conclusão.

O que lhe motiva e o que mais gosta de fazer?

Você tem algum talento que tem lhe acompanhado desde a infância?

Quais são suas principais qualidades pessoais, profissionais e prioridades na vida?

Quais são seus pontos fortes e fracos? O que sua família e amigos dizem sobre isso.

O que você procura em um emprego?

Análise de habilidades

Assim como suas preferências profissionais, suas habilidades existentes são um indicador importante da direção que você pode tomar. Reflita com as seguintes perguntas:

Que qualificações você tem? (ensino médio, técnico profissionalizante ou curso superior)

Quais suas experiências anteriores? (empresas em que trabalhou, estágios, voluntariado, etc)

Quais são suas principais habilidades? (comunicação, cálculos, design, informática, etc)

Quais foram suas maiores conquistas até o momento?

Quais são as oportunidades de crescimento profissional que você consegue visualizar?

Definindo a direção do seu plano de carreira

Com base em seus principais interesses, atributos, habilidades e experiência, agora você pode começar a formular ideias sobre os tipos de funções / setores que mais se adéquam ao seu perfil profissional.

Caso você já esteja empregado, pense em como subir de cargo ou conseguir uma colocação melhor no mercado de trabalho. A dica é fazer um brainstorming (chuva de ideias) como parte de seu plano de carreira.

Quais empresas realmente atraem você?

Que tipo de função melhor se adéqua ao seu perfil?

Como essas opções correspondem às suas preferências pessoais, habilidades ou capacidades?

Você precisa realizar cursos ou outros tipos de treinamento para dominar certa habilidade de trabalho ou precisa apenas aperfeiçoar seus conhecimentos para ter sucesso no setor de mercado pretendido?

Comprometendo-se com um cronograma

Agora que você já definiu uma direção, ou seja, já sabe onde quer chegar, precisa descobrir como alcançar seu objetivos de curto e longo prazo. A dica é dividir seus propósitos em metas menores e mais fáceis de gerenciar.

Por exemplo, o que você pretende alcançar nos próximos três ou seis meses? Quando e como você alcançará suas metas de formação profissional para ter as habilidades e a experiência de que precisa?

Revendo seu plano de carreira

Ao estabelecer seus objetivos e como atingi-los, você terá um caminho claro para seguir. É fundamental acompanhar sua evolução dentro do que você definiu no seu plano de carreira.

Então faça isso pelo menos a cada seis meses para garantir que está no caminho certo. A reavaliação de seu plano de carreira e metas permite que você faça ajustes com base nas circunstâncias econômicas e pessoais.

Não perca tempo

Embora seja importante criar um plano de carreira e saber para onde você está indo, é preciso reconhecer que às vezes a realidade é que temos que “arrumar um emprego só por agora”. 

Se você está desempregado há algum tempo, pode ter que aproveitar a primeira oportunidade que aparecer. Não fique sentado esperando o “emprego perfeito” porque você pode perder a chance de aprender novas habilidades, conhecer pessoas e gerar renda nesse processo.

Solicitar teste gratuito no sistema

E aí, gostou do artigo? Então compartilhe-o com sua rede de contatos.

Ainda te resta alguma dúvida sobre o tema? Então deixe um comentário e teremos prazer em lhe ajudar.

Continue nos acompanhando aqui no Blog e em nossas redes sociais: Facebook, InstagramYoutube e Linkedin.

Até a próxima!

Malu Brito

Malu tem 20 anos. Aqui na Soften, atuou no setor comercial por um ano e meio e foi convocada para reforçar nosso time de Marketing. É responsável pelo produção de conteúdo e é uma das mais novas autoras do nosso blog. Nas horas vagas curte filmes, séries e adora um debate. Uma comunicadora completa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economize tempo e dinheiro.
Promova já o crescimento
da sua empresa.

Experimentar agora
Receba Grátis Materiais e Ebooks. Saiba como!