Confira os 5 Métodos de Controle de Estoque para sua empresa

Flávia Scalon - 05/02/2019 - 0 Comentário(s)

Você sabia que existem vários Métodos de Controle de Estoque? Isto porque, há empresas de diversos tipos e cada uma se ajusta a um modo de gestão.

O Controle de Estoque ajuda a empresa a manter seus processos organizados, além da produtividade e competitividade ativas no mercado.

Por isso, entender os métodos existentes para a gestão de um estoque irá ajudar em toda a movimentação e armazenagem de produtos, ferramentas e matérias-primas da corporação.

Continue acompanhando o artigo e confira os principais Métodos de Controle de Estoque utilizados.

A importância de um Controle de Estoque

Um Controle de Estoque é praticamente uma obrigação para as empresas, isto porque, mantém os processos organizados e os setores em produção.

O estoque é um setor totalmente logístico e estratégico, não sendo restrito apenas a entradas e saídas de produtos e materiais.

Pois, o armazenamento de estoque contém também, ativos que envolvem diretamente o capital de giro da empresa.

Ou seja, o controle de estoque afeta, diretamente, outros setores, como comercial, financeiro, marketing e etc.

Sendo assim, quando este tipo de processo é mal executado ou desorganizado, é possível que haja prejuízo e perdas para a corporação.

Portanto, um controle de estoque estratégico permite:

  • Otimização do espaço físico do estoque;
  • Organização de compras;
  • Comunicação exitosa entre os departamentos – compras, vendas e estoque – da empresa;
  • Eficiência na gestão de produção;
  • Agregação de valor em produtos/serviços que a empresa oferece;
  • Redução de problemas, e eventuais perdas e prejuízos na empresa.

Ter planejamento na compra de produtos e em sua reposição e manutenção no estoque, evita sofrimento com falta de mercadoria para os clientes.

Porém, a compra em excesso de materiais e produtos pode resultar em despesas desnecessárias e mercadoria encalhada no estoque.

Por isso, um monitoramento de estoque preciso e estratégico é indispensável em uma corporação.

Materiais Gratuitos Soften Sistemas

5 Métodos de Controle de Estoque

Para que todos os benefícios de um bom monitoramento de estoque sejam refletidos na corporação, é importante estar por dentro de todos os Métodos de Controle de Estoque.

Confira cinco deles a seguir:

Método PEPS

PEPS, sigla de “Primeiro que Entra, Primeiro que Sai”, é uma metodologia com o princípio de que as mercadorias antigas devem ser as primeiras a serem vendidas.

Ou seja, segue a ordem cronológica de venda dos produtos, a medida em que eles são adquiridos e vendidos.

Aqui, o cálculo é feito a partir das mercadorias mais antigas para as mercadorias mais novas.

Este, é um dos métodos mais utilizados pelas empresas, pois, controla a validade dos produtos.

Quando a venda ocorre, dá-se baixa no sistema, das primeiras unidades que entraram no estoque.

Assim, é seguida uma ordem de mercadoria por lote, os primeiros que entraram na empresa, são os primeiros que saem.

Método UEPS

Esta metodologia é contrária à passada, aqui, a prioridade é a comercialização dos últimos produtos que entraram no estoque da empresa, por isso o nome “Último a Entrar, Primeiro a Sair”.

Nesta estratégia, o cálculo – custo dos produtos vendidos – é baseado no valor dos produtos mais recentes do estoque.

Neste caso, os gestores precisam estar muito atentos à rotatividade dos produtos presentes no estoque.

Atente-se que, empresas que distribuem produtos não perecíveis não devem trabalhar com este tipo de método, por conta da validade dos mesmos.

Método do Custo Médio

O Custo Médio, conhecido também como Método da Média Ponderada ou Média Móvel, é um dos métodos mais utilizados e mais eficientes.

Ele funciona da seguinte forma: A cada entrada de um novo produto, o cálculo de custos é refeito.

Basta somar os custos dos produtos antigos com os valores dos produtos novos e dividir pela quantidade total dos itens ainda disponíveis no estoque.

Uma das vantagens deste método é que ele é aceito pelo Fisco, para contabilização e comprovação do Imposto de Renda.

Método Just in Time

O Just in Time (tradução “no momento certo”) é uma metodologia desenvolvida para reduzir custos.

Nele, o estoque é mantido apenas para atender os clientes, ou seja, contém apenas o suficiente para o momento.

Por isso, é preciso muita atenção por parte dos gestores, para que a empresa não seja prejudicada com a falta de produtos e assim, perca vendas e clientes.

Nesse caso, manter uma boa relação com bons fornecedores é preciso, basta verificar se os mesmos podem atender as demandas da empresa com agilidade e precisão.

Método da Curva ABC

A Curva ABC, conhecida também como Análise de Pareto, identifica que 80% do faturamento do negócio resulta de 20% dos itens do estoque.

Esta metodologia cria categorias no estoque, desta forma, produtos com maior e menor importância são apontados.

O estoque é dividido respectivamente em grupo A, grupo B e grupo C, sendo eles:

Grupo A = Principais produtos para a empresa, que geram alta lucratividade e alto faturamento, porém, com giro razoável.

Grupo B = Produtos que possuem alto giro no mercado, mas que não alcançam lucros tão altos quanto os do grupo A.

Estes produtos devem corresponder à maior parte do estoque da corporação.

Grupo C = Produtos com menor giro, além de lucros menores e mais restritos, devendo assim, serem mantidos em menor quantidade no estoque.

Tenha os aplicativos da Soften Sistemas e gerencie sua empresa com qualidade

Os aplicativos de gestão da Soften oferecem integração, facilidade e otimização para os empreendimentos.

Tanto o Soften Siem – instalado em desktop -, quanto o GerencieAqui – online com armazenamento em nuvem – permitem diversas funcionalidades, como:

  • Emissão de documentos fiscais;
  • Gerenciamento financeiro;
  • Controle de estoque;
  • Gerenciamento de vendas;
  • Boletos Registrados;
  • Ordem de Serviço.

Além disso, também é disponibilizado implantação e treinamento especializados além de suporte técnico ilimitado.

Portanto, para melhorar a organização de todos os processos de setorização e movimentação de sua empresa, um sistema de gestão e controle de estoque é a melhor opção.

Não perca tempo, entre em contato com a Soften e otimize sua empresa e os resultados de seu trabalho.

Conheça Soften Sistemas

Caso tenha gostado do artigo, compartilhe-o com amigos e continue acompanhando as atualizações do Blog.

Siga também as Redes Sociais da empresa: FacebookInstagramTwitterLinkedin e Youtube.

Se tiver alguma dúvida ou sugestão, comente abaixo!

Flávia Scalon
Flávia Scalon

É formada em publicidade e propaganda, pós graduada em gestão de comunicação integrada e uma das principais autoras do blog. Especialista em assuntos fiscais. Nas horas vagas, gosta de ler sobre romance, comédia, drama, entre outros assuntos, também curte vários estilos musicais e aprecia múltiplas culinárias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de Gestão Empresarial com Emissor NFe

           Experimentar grátis
Receba Grátis Materiais e Ebooks. Saiba como!