Aniversário Soften

Metodologia Ágil: Uma visão geral sobre o assunto

Diogo Oliveira - 29/09/2018 - 0 Comentário(s)

Metodologia Ágil ou Agile é um processo de desenvolvimento de produtos e serviços para entrega rápida ao cliente.

O método surgiu como processos ágeis de desenvolvimento de software em um pequeno espaço de tempo.

Ou seja, trata-se de uma metodologia que visa diminuir o tempo de espera do cliente para um produto final.

Hoje a técnica já é muito utilizada em diversos tipos de negócios. Veja aqui neste artigo da Soften como implantá-la em sua empresa.

O conceito de Metodologia Ágil

Ideais e fundamentos de Metodologia Ágil surgiram na década de 80, contudo, sofreu por muito tempo discriminação e preconceitos.

Isto porque, era considerado por muitos, um método bagunçado, sem documentação, organização e sem um padrão a ser seguido.

Contudo, em 2001 um grupo de 17 desenvolvedores criaram o chamado “Manifesto para o Desenvolvimento Ágil de Software”, ou só, “Manifesto Ágil”.

Tal manifesto resultou na criação do grupo nomeado de “Aliança dos Ágeis”, que definiu 4 valores e 15 princípios para a metodologia ágil.

Os quatro valores de acordo com o site do Manifesto Ágil:

manifesto_agil_1

E os doze princípios são:

  • Nossa maior prioridade é satisfazer o cliente através da entrega contínua e adiantada de software com valor agregado.
  • Mudanças nos requisitos são bem-vindas, mesmo tardiamente no desenvolvimento.
  • Processos ágeis tiram vantagem das mudanças visando vantagem competitiva para o cliente.
  • Entregar frequentemente software funcionando, de poucas semanas a poucos meses, com preferência à menor escala de tempo.
  • Pessoas de negócio e desenvolvedores devem trabalhar diariamente em conjunto por todo o projeto.
  • Construa projetos em torno de indivíduos motivados.
  • Dê a eles o ambiente e o suporte necessário e confie neles para fazer o trabalho.
  • O método mais eficiente e eficaz de transmitir informações para e entre uma equipe de desenvolvimento é através de conversa face a face.
  • Software funcionando é a medida primária de progresso.
  • Os processos ágeis promovem desenvolvimento sustentável.
  • Os patrocinadores, desenvolvedores e usuários devem ser capazes de manter um ritmo constante indefinidamente.
  • Contínua atenção à excelência técnica e bom design aumenta a agilidade.
  • Simplicidade – a arte de maximizar a quantidade de trabalho não realizado – é essencial.
  • As melhores arquiteturas, requisitos e designs emergem de equipes auto-organizáveis.
  • Em intervalos regulares, a equipe reflete sobre como se tornar mais eficaz e então refina e ajusta seu comportamento de acordo.

A metodologia então, vêm despontando como uma excelente solução para atender as demandas de clientes e projetos com economia de tempo e grande produtividade.

Tudo isso trabalhando de maneira dinâmica, flexível e acima de tudo ágil, para a entrega adiantada e contínua de software de valor ao cliente.

Um grande modelo de aplicação e desenvolvimento de Metodologia Ágil é o modelo de Produção enxuta da Toyota.

Em tal modelo foi desenvolvida uma forma ágil de produção e que evita o desperdício de recursos.

Não se pode confundir o Método Ágil com o MVP, isto porque este segundo trata-se do mesmo produto com o mínimo possível de funções.

Enquanto o Método Ágil pode testar diferentes produtos com funções parecidas afim de buscar a solução mais viável.

Modelos mais conhecidos

Ao longo do caminho foram surgindo diversos modelos de métodos ágeis que buscavam auxiliar na gestão de projetos.

Muitos deles são de grande sucesso, a grande maioria foram utilizados em projetos de software.

No entanto, esta característica de ação não impede a utilização em outros modelos de negócios com outras abordagens.

Materiais Gratuitos Soften Sistemas

Feature Driven Development – FDD

Esta técnica foi desenvolvido entre 1997 e 1999 por Jeff De Luca um estrategista global de tecnologia, em Singapura.

Neste modelo o desenvolvimento é trabalhado com base na funcionalidade, ou seja, cada parte é uma parte mínima funcional do projeto total.

São seguidos cinco princípios básicos:

  • Desenvolver um modelo Abrangente;
  • Montar uma lista de Funcionalidades;
  • Planejamento por Funcionalidade;
  • Detalhar por Funcionalidade;
  • Construir por Funcionalidade.

A partir destes princípios todas as tarefas, testes ou alterações são minimamente desenvolvidas de forma a oferecer agilidade e economia de tempo e recursos humanos.

eXtreme Programming – XP

Criado em 1997, este método de gestão ágil foi desenvolvido para focar mais em práticas de engenharia.

Muito utilizado na área de desenvolvimento de softwares, ele busca otimizar e melhorar as respostas às solicitações dos clientes.

É indicado para quando o cliente ainda não tem claro em sua mente o que deseja, utiliza-se de três bases de aplicação:

  • Simplicidade, remoção dos itens desnecessários;
  • Feedback, comunicação frequente com o cliente, recebendo as sugestões a partir dos testes realizados;
  • Mudanças, adaptações e melhorias constantes a fim de atingir a etapa final.

SCRUM

O Scrum é o modelo mais conhecido dentre todos eles, e neste modelo o foco é trabalhar com a iteração e a incrementação valorizando o componente humano.

Seu criador Jeff Sutherland nos anos 80, propôs este método ágil com o objetivo de chegar ao objetivo sem ter grande dependência do cliente.

Em tal processo, é trabalhado os chamados “Sprints” que nada mais é do que testes periódicos para a resolução de pendências.

O mais indicado é que cada Sprint seja realizado no período de 2 ou 4 semanas, com reuniões diárias (Daily Serum).

Nestes Dailys Serum devem ser abordados todas as pendências ou exigências de alteração.

Para esta abordagem três personagens são essenciais:

  • Product Owner, dono e responsável pelo projeto, que deve definir as prioridades e objetivos;
  • Scrum Master, é o chamado Líder-servo, ou seja, o responsável por manter e garantir a boa aplicação da ferramenta;
  • Serum Team, são todos os membros da equipe envolvidos no processo.

O desenvolvimento dos Sprints, por sua vez, se dá da seguinte maneira:

O primeiro passo é o Sprint Planning, que é a reunião de Planejamento.

Depois vem o Sprint Review que é o momento de demonstração do planejado.

E por fim é a aplicação do Sprint Retrospective.

No último passo então, é o momento de afiar os processos e refletir sobre os dados e informações do ciclo em questão.

manifesto_agil_2

Dicas para a aplicação em sua empresa

Com os principais métodos em mãos, chegou o momento de aplicação de uma metodologia ágil no negócio.

Algumas dicas são válidas, equipes pequenas e que estão dispostas a aceitar mudanças, são dois fatores essenciais.

Além disso, tenha bem claro o objetivo, ou seja, o serviço, produto ou mercadoria a ser desenvolvido.

É preciso que o desenvolvimento seja realizado em processos, mas que seja garantido o mínimo de funcionalidades em cada um deles.

E no momento da aplicação, priorize os desejos e necessidades de seu público e cliente para o sucesso do produto.

Benefícios da metodologia

O benefício central de tal método para os negócios é a economia de recursos, seja humano, material ou de tempo.

Isto por que, as abordagens possuem maior sucesso justamente por manter equipes pequenas e projetos menores.

Há, dessa forma, economia no tempo de desenvolvimento, que ao invés de destinar-se a atingir diretamente o produto final, vai se desencadeando em etapas.

Além disso a Metodologia Ágil traz maior flexibilização, menos burocracia e aceitação de mudanças ao longo do caminho.

E ao contrário do que se pensa não nega as partes formais, somente se prioriza as funcionalidades e a fluidez antes da formalização.

Invista em gestão e melhore os resultados do seu negócio

Para garantir segurança na tomada de decisões e desenvolvimento de estratégias invista em gestão tecnológica para o seu negócio.

E para isto, adquira hoje mesmo um aplicativo da Soften Sistemas e simplifique a gestão de sua empresa.

Além de softwares especializados no modelo ERP, há o excelente suporte técnico disponibilizado para o cliente.

Conheça Soften Sistemas

Invista em sua gestão hoje mesmo entrando em contato com a Soften Sistemas.

Não deixe também de acompanhar o Blog da Soften e as suas Redes Sociais: FacebookInstagramTwitterLinkedin e Youtube.

Se tiver algum comentário ou dúvida, deixe-o logo abaixo.

Diogo Oliveira
Diogo Oliveira

É jornalista e especialista em textos informativos. Atualmente escreve os textos da Soften para a mídia, redige e-books e auxilia no blog. Nas horas vagas, gosta de ouvir música, ler sobre atualidades e política e assistir séries.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sistema de Gestão Empresarial com Emissor NFe

           Experimentar grátis
Receba Grátis Materiais e Ebooks. Saiba como!