MDFe passará a ser obrigatório em operações intermunicipais no estado do Paraná

Atenção empresário, a partir de Fevereiro, qualquer transporte que for realizado no estado do Paraná terá que estar acompanhado do documento fiscal MDFe.

Se sua empresa for do ramo de transportes e realizar operações no estado do Paraná, terá que incluir essa obrigatoriedade em sua rotina.

Materiais-gratuitos

Entenda mais sobre o documento MDFe e a exigência da emissão no estado do Paraná com o artigo a seguir.

O que é MDFe e para que serve?

O Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais, mais conhecido como MDFe, é um documento digital que substitui os documentos impressos como, o manifesto de carga modelo 25 e a capa de lote eletrônica (CLe).

Ele existe apenas eletronicamente, e sua finalidade é agilizar a burocracia existente, identificar a unidade de carga utilizada e acelerar o cadastro de documentos fiscais em trânsito.

Ou seja, padroniza os processos e transações por meio de um documento eletrônico, moderno e automatizado.

O MDFe unifica todo o processo, automatiza a emissão, por ser totalmente digital e facilita a fiscalização do transporte.

Saiba mais sobre o documento com o artigo “MDFe 3.0” no blog.

MDFe intermunicipal obrigatório no Paraná

O transporte realizado dentro do estado do Paraná, ou seja, transportes intermunicipais, terão que estar acompanhados do documento fiscal MDFe.

Antes, o Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais era obrigatório apenas em transportes interestaduais, já para transportes dentro do estado do Paraná bastava apenas o CTe (Conhecimento de Transporte Eletrônico).

Porém, com essa nova legislação, será necessário o acompanhamento do MDFe também, pois a fiscalização será mais eficiente e ágil.

Caso o transporte esteja sem o documento MDFe em mãos, a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) pode aplicar multa conforme avaliação.

Para não causar problemas à sua empresa, a emissão do MDFe para transportar mercadorias dentro do estado do Paraná, a partir do mês de fevereiro de 2018, é de extrema importância.

Caso sua transportadora já emita o documento MDFe para operações interestaduais, basta apenas começar a emitir para operações intermunicipais no estado do Paraná.

Datas referentes à obrigatoriedade do MDFe em operações no Paraná

De acordo com a Norma de Procedimento Fiscal nº 123/2017, as datas para regulamentação são:

A partir de 1º de Fevereiro de 2018: Transportadores emitentes de CTe (Conhecimento de Transporte Eletrônico);

A partir de 2 de Abril de 2018: Emitentes de NFe (Nota Fiscal Eletrônica) no transporte de mercadorias em veículos próprios, arrendados ou de transportador autônomo – não optantes pelo Simples Nacional;

A partir de 1º de Junho de 2018: Emitentes de NFe (Nota Fiscal Eletrônica) no transporte de mercadorias em veículos próprios, arrendados ou de transportador autônomo – optantes pelo Simples Nacional.

Se atente as datas e verifique quando sua empresa precisará se adaptar ao MDFe para operações intermunicipais.

Informações Adicionais

Contribuintes paranaenses que realizam o próprio transporte ou transporte de cargas de terceiros, terão que emitir MDFe em que o transporte seja feito em veículo próprio, arrendado ou contratado por transportador anônimo.

Essa nova obrigatoriedade no estado é para uma melhor fiscalização dos documentos fiscais no transporte de mercadorias.

Estar atualizado e dentro das obrigatoriedades que o governo pede, é importante para que seu negócio não sofra com possíveis problemas ou multas.

Para isso, tenha o auxílio de um bom contador e de um emissor de MDFe de qualidade e automatizado para emitir seus documentos fiscais e facilitar a gestão de sua empresa.

Uma opção para esse tipo de serviço, é o software da Soften Sistemas, que é adequado à qualquer tipo de empresa.

Banner-Conheça (1)

É um emissor pago, que oferece custo-benefício, com suporte eficiente, treinamento capacitado e qualidade de emissão e gestão empresarial.

Acesse também nosso blog que é atualizado com conteúdos fiscais e contábeis diariamente.

Deixe seu comentário ou dúvida aqui embaixo para que possamos te ajudar se for necessário.

Lembre-se de compartilhar com o pessoal do ramo de transportes, para evitar multas e deixar todos informados.

Vinícius Braga
Vinícius Braga

É hoje responsável contábil pelo grupo Soften. Assessora também o suporte técnico da empresa quando necessário. Nas horas vagas faz judô e joga futebol. É também professor e pós graduado em Ciências Contábeis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts de interesse