lupa
Mouse

Como fazer uma DRE: Aprenda de um jeito simples

Alessandro Caun - 20/10/2020 - 2 Comentário(s)

A Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) é um relatório contábil que apresenta, de forma resumida, as operações de uma empresa em determinado período e o resultado apurado, que pode ser de lucro ou prejuízo.

Esse documento é muito importante, pois ajuda o empresário analisar a saúde financeira da empresa, conseguindo assim acompanhar a evolução das receitas e despesas.

Pela legislação vigente, todas as empresas são obrigadas a manter uma contabilidade regular, o que inclui a elaboração da DRE. A regra se aplica também as empresas do Simples Nacional. A única exceção são as empresas do MEI (Micro Empreendedor Individual).

Neste post, vamos explicar o que é DRE, para que serve, quais empresas são obrigadas a elaborar a DRE, sua estrutura e qual a sua importância.

dre

Entenda o que é DRE e para que serve

DRE é o significado de Demonstração do Resultado do Exercício ou Demonstrativo do Resultado do Exercício.

Ela é um documento contábil resumido, que contém as operações de um determinado período de uma empresa.

Ou seja, o objetivo do documento é detalhar o resultado líquido do negócio, podendo ser um resultado de lucro ou prejuízo.

No documento anual, que é de entrega obrigatória, devem ser informados os detalhes sobre as saídas da empresa e ser entregue à Receita.

Lembrando, que empresas de Capital aberto deve entregar e disponibilizar o DRE de forma pública.

Portanto, o DRE é um documento que apresenta um resumo de todas as operações e resultados de um negócio.

Além disso, ele serve para avaliar a saúde financeira de uma empresa, mostrando assim o lucro que a mesma terá.

Desta forma, os gestores e empresários conseguem ter uma visão mais abrangente do desempenho de seu negócio.

E saiba que, a DRE é um dos documentos de avaliação financeira mais importantes, junto do balanço patrimonial.

Verifique também o que é o ARE e suas semelhanças e diferenças com a DRE neste artigo disponibilizado pelo blog.

Por que a DRE é importante?

A DRE mostra os principais indicadores para avaliar a saúde financeira da empresa e permite uma visão realista do negócio em um determinado período de tempo.

Esse demonstrativo é um grande aliado do empreendedor. Por isso, saber usá-la é tão importante para a administração da sua empresa.

Mesmo as micro e pequenas empresas devem se atentar para elaborar a DRE, além de ser obrigatório, a sua elaboração pode ajudar na tomada de decisões dentro da organização.

Ela permite, por exemplo, confrontar os dados das receitas e das despesas do negócio, mostrando o resultado líquido do seu desempenho e detalhando a sua real situação operacional.

Outros dados importantes que podem ser conhecidos através da DRE:

  • O lucro líquido sobre o faturamento da empresa (o real ganho);
  • Ponto de equilíbrio entre ganhos e despesas da empresa. Índice importante para mostrar o quanto é necessário vender somente para cobrir os custos;
  • Margem de contribuição, ou seja, quanto do lucro é usado no pagamento das despesas.

Este documento costuma ser fundamental na hora de conseguir auxílio financeiro extra.

Bancos e analistas financeiros podem requerer o demonstrativo para avaliar a situação do negócio e decidir se darão crédito ou não ao solicitante, enquanto eventuais investidores irão analisá-lo para ter mais segurança ao aplicar seu dinheiro.

planilha dre

Quais empresas são obrigadas a elaborar a DRE

De acordo com a lei Nº 6.404/76 e a lei N° 11.638/07, todas as empresas brasileiras, exceto as MEI (Micro Empreendedor Individual), estão obrigadas a elaborar o relatório anualmente, sempre após o encerramento do ano-calendário.

O que diferencia é que as empresas listadas na bolsa de valores (Capital Aberto), precisam divulgar suas demonstrações financeiras trimestralmente ou semestralmente. Para manter os investidores informados sobre o desempenho da empresa e garantir a transparência do mercado de ações.

O Demonstrativo do Resultado do Exercício é de extrema importância, pois além de manter a empresa regularizada perante a lei, possibilita ter uma visão geral dos resultados financeiros da companhia. Com isso, permite extrair informações extremamente relevantes. Assim a organização tem maior segurança e credibilidade com terceiros.

Como fazer um DRE?

De acordo com o artigo 187 da Lei nº 6.404/76, em um DRE é necessário conter:

I – a receita bruta das vendas e serviços, as deduções das vendas, os abatimentos e os impostos;

II – a receita líquida das vendas e serviços, o custo das mercadorias e serviços vendidos e o lucro bruto;

III – as despesas com as vendas, as despesas financeiras, deduzidas das receitas, as despesas gerais e administrativas, e outras despesas operacionais;

IV – o lucro ou prejuízo operacional, as outras receitas e as outras despesas; (Redação dada pela Lei nº 11.941, de 2009)

V – o resultado do exercício antes do Imposto sobre a Renda e a provisão para o imposto;

VI – as participações de debêntures, empregados, administradores e partes beneficiárias, mesmo na forma de instrumentos financeiros, e de instituições ou fundos de assistência ou previdência de empregados, que não se caracterizem como despesa; (Redação dada pela Lei nº 11.941, de 2009)

VII – o lucro ou prejuízo líquido do exercício e o seu montante por ação do capital social.

§ 1º Na determinação do resultado do exercício serão computados:

a) as receitas e os rendimentos ganhos no período, independentemente da sua realização em moeda; e

b) os custos, despesas, encargos e perdas, pagos ou incorridos, correspondentes a essas receitas e rendimentos.

Estrutura do DRE

Confira um exemplo de DRE abaixo:

Para descobrir os resultados das informações a serem apresentadas no DRE, siga os passos a seguir:

Descubra a Receita Operacional Líquida, seguindo a operação:

  • Receita Operacional Líquida = Receita Operacional Bruta – Deduções da Receita Bruta

Descubra o Lucro Bruto, seguindo a operação:

  • Lucro Bruto = Receita Operacional Líquida – Custos de vendas (produtos e serviços)

Conheça o Resultado Operacional antes do IR (Imposto de Renda) e da CSLL (Contribuição sobre o Lucro Líquido), seguindo a operação:

  • Resultado Operacional antes do IR e CS = Lucro Bruto – Despesas Operacionais – Despesas Financeiras Líquidas – Outras Receitas e Despesas

Verifique qual o Lucro Líquido antes das participações, seguindo a operação:

  • Lucro Líquido antes das Participações = Resultado Operacional antes do IR e CS – Provisão para IR e CS

Verifique o Resultado Líquido do Exercício, seguindo a operação:

  • Resultado Líquido do Exercício = Lucro Líquido antes das Participações – Pagamento de Empregados, Partes Beneficiárias, Participações de Administradores, Debêntures, Fundos de Previdência e Assistência para Empregados

Portanto, para montar um DRE de forma fácil, basta seguir as informações do exemplo acima, assim como a lei.

Lembre-se de ter acompanhamento contábil em todo processo burocrático de sua empresa, assim problemas futuros são evitados.

Tenha um sistema de qualidade e garanta a segurança de sua gestão

Para manter a segurança da gestão de sua empresa, é importante ter um software e controlar todas as áreas da mesma.

Com os aplicativos da Soften Sistemas, toda a documentação fiscal de sua empresa ficará armazenada em um sistema seguro e qualificado.

Além disso, é possível ter o controle de todas as finanças, vendas e estoque do negócio, com possibilidade de emissão de relatórios diversos.

E tudo isto com direito a treinamentos especializados de cada módulo adquirido e suporte técnico ilimitado.

Não perca tempo, entre em contato agora com os atendentes comerciais da empresa e adquira um sistema de qualidade para sua empresa.

Conheça Soften Sistemas

Gostou deste artigo? Compartilhe-o com amigos e parceiros e continue acompanhando as atualizações do Blog da Soften.

Siga também as Redes Sociais da empresa: FacebookInstagramTwitterLinkedin e Youtube.

E em caso de dúvidas ou sugestões, comente no campo abaixo!

Alessandro Caun
Alessandro Caun

Mais conhecido como "Professor" é formado em Engenharia Elétrica, com mestrado na área. Nos últimos anos, tem se dedicado ao Marketing Digital e aqui na Soften é responsável pela produção de conteúdo. Curte rock e games retrô, um "nintendista" raiz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Comentário(s)

Economize tempo e dinheiro.
Promova já o crescimento
da sua empresa.

           Experimentar grátis
Receba Grátis Materiais e Ebooks. Saiba como!